Open Close
branco

Ibama verifica o cumprimento de normas relacionadas ao transporte de produtos perigosos e uso do Arla 32 em rodovias no Nordeste

Brasília (09/09/2019) – Equipes de emergências ambientais do Ibama vistoriaram, de 2 a 6 de setembro, 136 veículos em rodovias da região nordeste para verificar o cumprimento das normas de transporte rodoviário de produtos perigosos e o uso adequado do Agente Redutor Líquido Automotivo (Arla 32). Agentes ambientais aplicaram 33 autos de infração, que totalizam R$ 260 mil.

O Arla 32 é uma solução usada para controlar a emissão de gases, principalmente óxidos de nitrogênio (Nox), por veículos com motores a diesel. Desde 2012 seu uso é obrigatório. O objetivo é garantir que os limites de emissão de poluentes estabelecidos pelo Conselho Nacional do Meio Ambiente (Conama) sejam cumpridos.

A operação foi organizada em três frentes, cada uma com três estados-alvo. A primeira teve como base de operações o posto da Polícia Rodoviária Federal (PRF) na BR-343, em Parnaíba (PI), rota de ligação entre Ceará, Maranhão e Piauí. A segunda, ocorreu nos postos da PRF em Mamanguape (PB) e São José de Mipibu (RN), ambos na BR-101, que corta a Paraíba, Pernambuco e Rio Grande do Norte. A terceira, voltada para os estados de Alagoas, Bahia e Sergipe, foi realizada em postos da PRF nos municípios baianos de Alagoinhas, na BR-101, e Feira de Santa, na BR-116.

Fonte: IBAMA

Ainda não há comentário.

Publique o seu comentário

Comment form

Todos os campos marcados (*) são obrigatórios.