Open Close
paulicon

17º CONGRESSO DE ATUAÇÃO RESPONSÁVEL TEM RECORDE DE PÚBLICO

Evento da Abiquim recebeu 650 participantes que acompanharam debates de temas ligados à saúde, segurança, meio ambiente e sustentabilidade

Plenária do 17º Congresso de Atuação Responsável
(Foto: GrupoPhoto Fotografia/Abiquim)

O 17º Congresso de Atuação Responsável da Associação Brasileira da Indústria Química – Abiquim, recebeu o público recorde de 650 participantes entre representantes do governo, de instituições internacionais, de órgãos regulatórios, associações, ongs, sindicatos, profissionais da indústria e de empresas de logística.

O evento, que teve como tema a “Química do Futuro: Universo de Possibilidades e Desafios”, foi realizado no Novotel Center Norte, na capital paulista, nos dias 15 e 16 de agosto, e promoveu debates, em salas com a capacidade máxima, sobre importantes temas como o modelo regulatório para gestão segura de substancias químicas, controle de emissões e contribuições da química para a qualidade do ar, interação das indústrias com comunidades e a sociedade, diversidade e estocagem segura de produtos químicos.

O presidente do Conselho Diretor da Abiquim, Marcos De Marchi, ressaltou na cerimônia de abertura que a Associação tem o objetivo de engajar mais empresas a adotarem o Programa Atuação Responsável®. “O Congresso apresenta temas que impactam a atividade industrial e celebra o compromisso da indústria química com a melhoria contínua de seus processos e produtos gerando maior segurança aos funcionários e comunidades vizinhas”, explicou De Marchi.

O presidente do Conselho Diretor da Abiquim, Marcos De Marchi
(Foto: GrupoPhoto Fotografia/Abiquim)

A presença de palestrantes internacionais foi mais um dos destaques desta edição do Congresso, que teve a participação do chairman do Grupo de Líderes do Responsible Care no International Council of Chemical Associations (ICCA), Patrick Vandenhoeke; do vice-diretor executivo da European Chemicals Agency (ECHA), Jukka Malm; do diretor-geral da Health Canada, David Morin; do sócio da Gilson Environmental, Don Gilson; do engenheiro sênior da Ingevity, Glenn Passavant; do presidente da CES-Silicones Europe e presidente do Global Silicones Council, Ralf Maecker; do diretor-executivo do Global Silicones Council, Karluss Thomas; e da diretora global de Saúde, Segurança e Meio Ambiente da Dow Chemical, Eunice Heath; entre outros.

Além de representantes do Ministério do Meio Ambiente, do Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços, o evento contou com importantes e ativas participações de Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb), Corpo de Bombeiros, Marinha, Secretarias de Meio Ambiente, Agência Nacional de Transporte Aquaviários (Antaq), além de representantes de ONGs, sindicatos e associações representando setores industrias consumidores de produtos químicos.

O vice-presidente de governança corporativa e questões públicas da Solvay e chairman do Grupo de Líderes do Responsible Care no International Council of Chemical Associations (ICCA), Patrick Vandenhoeke, destacou a importância global do Programa e da estratégia da indústria para engajar cada vez mais empresas de todos os portes.

O chairman do Grupo de Líderes do Responsible Care no ICCA, Patrick Vandenhoeke
(Foto: GrupoPhoto Fotografia/Abiquim)

Outro destaque da sessão plenária foi a participação da coordenadora-geral de Qualidade Ambiental e Gestão de Resíduos do Ministério do Meio Ambiente (MMA), Letícia Reis Carvalho, que representa o Brasil na Abordagem Estratégica para a Gestão Internacional de Produtos Químicos (SAICM) e as novas metas do fórum.

Ainda na plenária, o deputado Orlando Silva (PCdoB/SP), coordenador do tema Saúde e Segurança do Trabalho da Frente Parlamentar da Química (FPQuímica) elogiou o trabalho da indústria química na busca pela sustentabilidade e a responsabilidade do setor com o meio ambiente e com a segurança de colaboradores e comunidades. O coordenador da Comissão de Gestão do Atuação Responsável, Marcos Barros Cruz, apresentou os Indicadores de Desempenho do Atuação Responsável, que estão disponíveis para download no site da Abiquim (www.abiquim.org.br).

O presidente da Plastivida, Miguel Bahiense, apresentou o “Manual Perda Zero de Pellets”, disponível para download no site www.porummarlimpo.org.br. E o coordenador do Comitê para o Desenvolvimento Sustentável da Abiquim, Weber Porto, apresentou o “Benchmarking de Sustentabilidade da Indústria Química”, estudo realizado pela Fundação Dom Cabral, que identifica os temas econômicos, sociais e ambientais mais relevantes para a indústria química nacional e internacional.

O presidente-executivo da Abiquim, Fernando Figueiredo, destacou o trabalho dos colaboradores da indústria química, dos membros dos Conselhos Comunitários Consultivos (CCCs) e dos jornalistas, que cobrem as atividades da associação. “A Abiquim é uma entidade em que ongs, sociedade, políticos e jornalistas devem se senti a vontade para debater os temas de interesse da sociedade brasileira, queremos ser uma entidade aberta, onde todos podem discutir com honestidade os desafios e oportunidades da indústria química”.

Salas temáticas sempre com sessões lotadas nos dois dais do Congresso de Atuação Responsável
(Foto: GrupoPhoto Fotografia/Abiquim)

O 17º Congresso de Atuação Responsável foi patrocinado pelas empresas Arlanxeo, Basf, Birla Carbon, Braskem, Chemours, Clariant, Comissão Setorial de Silicones, Covestro, Croda, Dow, Elekeiroz, Evonik, ExxonMobil, Huntsman, Ingevity, Innova, Nitro Química, Oxiteno, Solvay, Suatrans, Unigel e Unipar Carbocloro.

Na Sala Logística, na tarde do dia 16/08, o sr. Sérgio Sukadolnick falou a respeito do SASSMAQ – Estação de Limpeza – Escopo e Implantação dos Módulos – 1ª e 2ª Edição, ocasião em que divulgou, aos presentes, a conquista da 2ª Edição do SSSMAQ – Estação de Limpeza, pela empresa Concórdia Transportes Rodoviários Ltda.

Ainda não há comentário.

Publique o seu comentário

Comment form

Todos os campos marcados (*) são obrigatórios.